Golpe dentro do golpe

O consórcio golpista amarga a pior rejeição possível. No mundo, não há governo mais impopular que o de Temer.
O Congresso Nacional, envolto à lama da corrupção, está desmoralizado diante do povo. A situação piora quando os mesmos políticos ilegítimos acabam com os direitos da população.
Nesse cenário, querem trazer de volta um parlamentarismo mambembe, chamado de ‘semipresidencialismo’, para diminuir a importância da figura da presidência da república e transferir esse poder ao Congresso, lugar em que o golpismo ainda controla.
Seria um golpe dentro do golpe.