Governo corrupto quer destruir a previdência social

Escondidos atrás do mantra mentiroso de que há um rombo na previdência, os golpistas querem retirar um dos direitos mais sagrados de quem trabalha.
Hoje, se um trabalhador contribui por 15 anos, possui o direito de receber o 85% do seu salário. Com a nova reforma, receberá 60%.
Para poder viver a velhice, Temer quer impor 40 anos de contribuição, e idades mínimas de 65 anos para homens e 62 para mulheres.
Somente golpistas poderiam propor aberração à altura.

Leia mais