Muita propaganda para o indefensável

O golpista Michel Temer gastou inaceitáveis 100 milhões de reais em propaganda da reforma da previdência, somente em 2017. Os valores vultuosos são sintomáticos do efeito negativo da proposta: ao reformar a previdência, milhões de pessoas serão condenadas à não aposentadoria. O povo sabe muito bem disso e não há dinheiro no mundo que reverta essa situação.

A contradição latente é que em nome da austeridade o governo gasta rios de dinheiro para garantir a austeridade. Mente ao dizer que há um rombo na previdência, quando na verdade o dinheiro destinado ao povo é sangrado para o bolso dos banqueiros.

Impopular e golpista, Temer nunca deveria estar na presidência. Cabe agora toda pressão para tirar o jabuti da árvore e garantir Diretas Já!